quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

[Resultado do 15º Passatempo de Aniversário] Alma dos Livros


Olá,

Finalmente vamos descobrir o ultimo vencedor do ultimo passatempo de aniversário. 🙊

Prontos para descobrir quem foi o vencedor do nosso 15º passatempo de aniversário?

Em sorteio estava um exemplar de 'O Farmacêutico de Auschwitz', da autora Patricia Posner ***

Cá vai, prontos??? 

[Resultado do 14º Passatempo de Aniversário] Clube do Autor




Olá, outra vez!

Prontos para descobrir quem foi o vencedor do nosso 14º passatempo de aniversário? Em sorteio estava um exemplar de 'O Leitor do Comboio', do autor Jean-Paul Didierlaurent.
Então com um excelente número de participações.. e sem mais demoras o/a vencedor/a é...

[Resultado do 13º Passatempo de Aniversário] Clube do Autor


Olá meninos e meninas!

Prontos para descobrir quem foi o vencedor do nosso 13º passatempo de aniversário? Em sorteio estava um exemplar de 'O Segredo do Rei' de José María Zavala.

Então com um excelente número de participações.. e sem mais demoras o/a vencedor/a é...

[Resultado do 12º Passatempo de Aniversário] G-Floy

Boas novas pessoal!

Ao longo do dia de hoje vão sair finalmente os restantes resultados .. e vocês aí desse lado devem estar "oh my god finaly" .. pois é, pois é pedimos imensa desculpa. Quando iniciamos este projecto convosco tínhamos mais disponibilidade e agora enfim... 😐

Mas não desesperem porque vão agora mesmo sair todinhos, e esperamos de futuro não haver mais problemas destes, muitooo chatos. 

Prontos para descobrir quem foi o vencedor do nosso 12º passatempo de aniversário? 

quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

[Opinião] 'O Rapaz do Pijama às Riscas' de John Boyne


Continuo na minha missão de ler os livros que andam há imenso tempo nas minhas estantes. Desta vez, peguei neste ‘O Rapaz do Pijama às Riscas’, uma edição ASA, que pela sua dimensão adivinhava ser uma leitura rápida, e com um tema que me interessa bastante, o Holocausto.

Embora seja um dos momentos mais negros da nossa história, talvez o mais terrível da história mais recente, o Holocausto é um tema frequentemente ficcionado na literatura. Neste ‘O Rapaz do Pijama às Riscas’, temos uma narrativa pelos olhos de uma criança alemã, Bruno, que juntamente com a sua família troca a acolhedora cidade de Berlim por uma casa colada a um campo de concentração.

sexta-feira, 5 de janeiro de 2018

[Opinião] 'Nothing More' de Anna Todd


Como já devem ter reparado, sou viciadíssima nos livros de Anna Todd. Depois de ter quase devorado todos os livros da série After, confesso que não sabia da existência desta série centrada no Landon, o melhor amigo da Tessa. Agradeço à Editorial Presença pela cedência do exemplar para opinião. 
Então, o que achei deste ‘Nothing More’?

quinta-feira, 30 de novembro de 2017

[Das Páginas Para o Ecrã] Nerve - Alto Risco



Hoje partilho convosco a minha opinião sobre o livro 'Nerve - Alto Risco' e a sua adaptação cinematográfica com o mesmo titulo. O livro, de Jeanne Ryan, foi publicado pela Editorial Presença e andou durante semanas na minha wishlist e mais uns quantos meses pela estante. Decidi que primeiro iria ler o livro e depois partiria para o filme.

Assim, começando pela opinião do livro, confesso que me desiludiu. As personagens são desinteressantes e pouco desenvolvidas. O que melhora o livro, até certo ponto, é a sua premissa, a entrada num jogo de desafios em que podem ganhar prémios muito desejados e personalizados para cada participante, caso consigo cumprir este desafio/consequência atribuido pelo NERVE. 

Ao mesmo tempo, a premissa não consegue sustentar o livro, na minha opinião... Não consegui ligação alguma com as personagens, o romance é fraco, a história a certo ponto torna-se repetitiva e falha redondamente em conseguir criar suspense ao tentar tornar o livro numa espécie de thriller, que não o é.

No geral, gostei da ideia, não gostei da concretização e como a autora a colocou no papel. E a minha avaliação prende-se a esses factores.

Depois da desilusão da leitura, parti para o filme com as expectativas muito baixas, até porque a protagonista, Emma Roberts, é uma das actrizes que não suporto ver em filmes/séries. Não consigo deixar de considerar que a sua prestação é sempre a mesma, com uma personagem imatura e mimada ou irritante. Pode ser defeito meu, mas, voltei a sentir o mesmo nesta adaptação.
Ainda assim, não há como negar que o filme é bastante superior ao livro. Acreditem que é raro ter esta opinião, mas passo a explicar.

A ideia principal da obra mantém-se no filme, mas além disso, a adaptação foge bastante do original. O efeito visual do filme é sem dúvida o seu ponto forte, que resulta muito bem e torna o filme bastante apelativo.

A representação ficou aquém. Não são actores que aprecie particularmente, achei a representação medíocre, mas consigo compreender pois as personagens também não traziam espaço para grandes performances.

Resultado de imagem para nerve gif

A história foi estruturada de forma mais alucinante e consegue trazer a adrenalina que o livro tenta trazer e não consegue. A única questão em que o livro consegue ser superior é na questão dos prémios, em que mostra como o jogo está envolvido na vida dos participantes ao ponto de conhecer os seus desejos mais profundos.

Não é um filme memorável, longe disso, mas sem dúvida mostrou-se um filme agradável para se ver num Sábado à tarde.